Seguidores

terça-feira, 26 de julho de 2011

Dia de aniversário

Eu não gosto de lembrar o quanto, o tempo, a contagem... Eu não sou nova nem velha, mas dentro há os dois em pouca ou em grandes proporções, ou tudo misturado. Quando nasci não lembro. Lembranças tenho do que disseram: que eu vim com as águas, que eu era tão roxinha por quase ter passado da hora de nascer. Enfim, aniversário traz lembranças: da infância de ser feliz com tão pouco, com os desenhos, com a imaginação, da pouca liberdade na rua, da adolescência sem jeito, na juventude da descoberta do mundo. De repente hoje me sinto como se tivesse começando um Ano Novo! Uma Nova Era! É o segundo ciclo. O primeiro se deu no dia 1 de janeiro, outro hoje, começando de novo de um outro jeito. Mesmo que não se comemore, tudo enfim é diferente, tudo muda a partir de pequenos instantes, inexplicavelmente.

4 comentários:

Roderick Verden disse...

Meus parabéns, M.. Saúde, alegria, sucesso!

Meu único irmão aniversaria hoje.

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Parabéns!
Cumprimentos cinéfilos.

O Falcão Maltês

TELMA GUEDES disse...

Q bonito, mto inspirado seu texto! bjao

M. disse...

Olá queridos! Muito obrigda!